Loading

Decepção no Amor

A decepção amorosa se torna a principal causa da morte de muitos sentimentos em corações na atualidade, ter acreditado que o amor sentido no peito por alguém, seria como um reflexo e não ser, é como olhar um espelho quebrando e do outro lado dele, bater de frente com o muro da ilusão, os gritos de socorro que a alma dá, não há como expelir em vozes, por quê ele é tão doloroso, triste e amargo que é impossível saírem pela boca, é como gritar de boca fechada, e acabam que saindo pelos olhos, eles perdem a foco afogados com as tantas lágrimas que parecem não ter fim. Cadê a esperança? E aquela luz no fim do túnel, a alegria que ia vir ao amanhecer, agora já é outra noite, outra noite, e mais uma noite, tudo de novo! 

Sem solução e doentes por dentro, acabam que morrendo de corpo completo.

O medo de sofrer por algo que era tudo pra gente, sucumbe da alma, chegando a arrepiar, a incerteza de um dia poder entregar sem receios à outra pessoa, o amor que nem você mais nem acredita que ainda possua, e ela não dá valor, destrói a alma, congela o sangue e nos faz esvaziar, desacreditar no amor, chega até a não querer se envolver em carinhos com mais ninguém, pois pode ser que dessas simples coisa, o pensamento se confunda e dali comece a florescer um novo desejo, e ele dá errado e acontecer tudo de novamente.

E assim seguimos com a vidas tão vazias, que chegamos a pensar que não há mais sentido em continuar a viver, por quê viver mesmo? Se tudo que mais desejamos, é a simples felicidade na qual possamos nos sentir seguro ao lado de quem amamos, e nada disso acontece. Tantos corações, mas todos vazios de amor, a inocência foi roubada, ou jogada fora por zombadores que se exaltam, por possuírem suas agendas cheias de pessoas que já possuíram, mas não as amaram de verdade, como se isso contasse como alguma coisa.




Adaías Nascimento